Startup de educação também quer revolucionar mercado como alternativa ao FIES

Startup de educação também quer revolucionar mercado como alternativa ao FIES

Acessibilidade para qualquer curso de pós-graduação, MBA, mestrado e doutorado em qualquer instituição do país, como Fundação Getulio Vargas, Insper, PUC, Mackenzie, ESALQ e outras. De forma simples, a Pós Financiada, fintech especializada em crédito para pós e MBA, pretende democratizar o acesso à especialização para todos os brasileiros e revolucionar o mercado de educação e carreira do país. O propósito da empresa é ocupar a lacuna do FIES, servindo como alternativa no setor de especialização.

Pesquisa do Instituto Semesp (Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo) revela que nos últimos quatro anos o número de alunos em cursos de pós-graduação aumentou 74%, saltando de 683 mil alunos para quase 1,2 milhão. Ainda de acordo com o levantamento, a expansão foi puxada pela rede privada, onde a oferta corresponde a 91% do total.

“A educação continuada é sonho de grande parte dos alunos de uma faculdade hoje, por força do mercado corporativo que exige profissionais cada vez mais qualificados e pela cada vez maior busca por conhecimento em plena revolução 4.0. Por isso, ainda na graduação, os estudantes já começam a pensar em uma pós-graduação ou MBA”, afirma a professora de gestão de pessoas da IBE Conveniada FGV, Ligia Molina, coach de carreira e headhunter.

Porém, é difícil conciliar trabalho, estudos e ainda pagar uma mensalidade. O estudo do Semesp, que foi lançado pouco antes do início da pandemia no Brasil, mostra que o valor médio de um programa de especialização de 12 meses é de R$ 10.213,00. O preço aumenta para R$ 16.458,00 para cursos de 13 a 24 meses, e, acima de 24 meses, o investimento médio sobe ainda mais e chega a R$ 25.981,00.

Lançamento Pós Financiada

A Pós Financiada é liderada pelos jovens empreendedores, Lucas Quaresma (Head of Operation), de Belo Horizonte, e Maurício Angelini (Head of Sales), de Campinas e já está em plena operação. (Veja aqui).

A iniciativa surgiu do encontro de ideais dos dois, que integravam o mesmo grupo de trabalho anteriormente. Aos 27 anos, Lucas, que é Administrador de Empresas com ampla experiência profissional em gestão financeira, controladoria e auditoria, viu a oportunidade de disrupção no setor de pós-graduação, cujo acesso é majoritariamente feito por pessoas com maior poder aquisitivo.

Partilhando do mesmo sonho, já atuando dentro do mercado de educação executiva como gerente de vendas, o publicitário Maurício, com apenas 28 anos, abraçou a oportunidade.

O modelo de negócios deles segue o padrão americano de crédito financeiro para estudos, que é tendência global, como o da gigante de financiamento para carreiras nos Estados Unidos, SoFi. A empresa agrega, além do empréstimo, qualidade, praticidade e tecnologia para auxiliar o usuário durante o processo.

“Para além da graduação, a continuação dos estudos é parte do caminho para a transformação social, com geração de emprego e de renda que vem com a mão de obra qualificada. Ou seja, os alunos já entenderam que para se manterem competitivos, precisam evoluir nos estudos. Mas, muitos, sem condições financeiras, viam morrer seus sonhos e sua carreira”, defende Maurício Angelini.

Desta forma, de uma maneira descomplicada e ágil com todo o processo de forma online, qualquer aluno pode estudar nas melhores instituições do país, pagando parcelas a partir de 99,00 reais com a Pós Financiada.

“Nosso modelo compreende financiamento sem juros, ou taxas de juros baixíssimas e prazo ampliado. O resultado é mensalidades muito acessíveis para todos, o que nenhuma outra operadora pode oferecer”, explica Angelini.

Ainda segundo ele, cada orçamento é personalizado para atender o cliente da melhor maneira possível. O serviço de financiamento não é o único ofertado pela empresa, que também lida com refinanciamento de contratos já existentes. “As despesas mensais são avaliadas para encaixar o financiamento e fazer esse sonho acontecer. As parcelas de refinanciamento podem, por exemplo, ficar até três vezes menores do que as mensalidades pagas antes do serviço”, detalha ele.

Cerca de cinco mil alunos já contrataram o crédito e estão estudando.

“O grupo gestor da Pós Financiada trabalha e investe em educação há quase 30 anos. Todo o pessoal é treinado para acompanhar as tendências de mercado e entregar a melhor experiência ao cliente. Da mesma forma como o Uber revolucionou o transporte, promovendo mobilidade para todos, queremos revolucionar a maneira como o brasileiro se relaciona com a pós-graduação. Pensamos em democratizar e promover o acesso para além da faculdade”, completa Lucas Quaresma.

Serviços

– Financiamento total de pacotes de MBA ou Pós-Graduação em diferentes áreas.

“Facilitar o acesso à educação não é tarefa fácil, porém, contando com parcerias em diferentes instituições e financiamento liberado para qualquer curso, conseguimos aumentar o número de pessoas cursando além da faculdade”, diz Angelini.

– Orçamento personalizado para cada cliente.

 “Cada pessoa tem um conjunto único de fatores em suas finanças pessoais e desenvolver um orçamento individual descomplica o estudo superior”, analisa Quaresma.

– Aconselhamento quanto às melhores oportunidades de estudo.

“Temos também um serviço de consultoria para entender a necessidade do interessado e ofertar a melhor solução para cada um”, ressalta o Head of Operation.

– Parcelas que podem começar em R$ 99 nas melhores instituições do país.

“As dificuldades financeiras se intensificaram no ano de 2020, porém a evolução é sempre necessária. Pensando nisso o programa conta com as melhores condições do mercado”, reitera Maurício.

– Refinanciamento, para aliviar em momentos de dificuldade.

“Serviço exclusivo para pessoas que já possuam um financiamento ativo e precisam de um folego nas finanças para continuar estudando”, pontua Lucas.

– Longo prazo de pagamento, podendo a chegar no triplo do período de curso.

“A dificuldade de planejamento para o curto prazo em um momento de instabilidade, requer preparo e planejamento em longo termo. Por isso, não restringimos o número de parcelas ao tempo de duração do curso”, finaliza Maurício Angelini.

Pin It on Pinterest